ExpoEvangélica inicia com incentivo à “oração pelo Brasil”
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

ExpoEvangélica inicia com incentivo à “oração pelo Brasil”

  • 04 de julho de 2019
  • 0 Comentários

Desde a abertura até o fim da ExpoEvangélica, momentos de oração pelo Brasil fazem parte da programação, que também inclui mais de 40 atrações musicais.

A oração de abertura foi feita pelo pastor Antônio José Azevedo, da Assembleia de Deus Templo Central. A primeira oração intercessória pelo Brasil foi feita pelo pastor Francisco Paixão, presidente da Ordem dos Ministros Evangélicos do Estado do Ceará (ORMECE).

O presidente da feira, Francisco Everton, disse que a “ExpoEvangélica trabalha no modo da unidade. Ela não tem bandeira de igreja, faz parte de todas as denominações”.

Segundo Everton, a ExpoEvangélica é considerada atualmente uma das maiores feiras da América Latina. “Hoje nós atraímos pessoas não só do Ceará, mas de todo o Brasil. Todo o trade de turismo é beneficiado com esse projeto”, disse.

A Banda de Música da Polícia Militar do Ceará entoou a canção “Porque Ele Vive”. A cantora Aline Barros conduziu o público em um momento de adoração.

ExpoEvangélica inicia com incentivo à “oração pelo Brasil”

Em uma mensagem levada ao público, o pastor Sandro Oliveira, da igreja Paz Church, falou sobre a importância da oração nos dias desafiadores que vive o Brasil.

“Nós temos que orar muito pelo Brasil. Nós temos visto as igrejas se movimentarem orando pela nação. Isso é muito importante, porque a nossa sociedade tem desafios muito grandes em todas as áreas — alto índice de desemprego, violência, corrupção, famílias sendo afetadas”, observou.

“Qual é a resposta para esses desafios? O Evangelho é a resposta. A Igreja do Senhor Jesus é a resposta”, acrescentou o pastor.

Oliveira mostrou ainda três pontos essenciais para a caminhada cristã: paixão por Jesus, paixão pela Grande Comissão e paixão pelo Corpo de Cristo.

“É a paixão por Jesus que nos move a fazer grandes coisas para Deus. É a paixão por Jesus que nos leva a viver em santidade. É a paixão por Jesus que nos leva a pregar o Evangelho. É a paixão por Jesus que desperta compaixão em nosso coração pelos perdidos. Temos que ser cristãos apaixonados por Jesus, mais do que qualquer outra coisa no mundo”, disse o pastor.

Falando sobre o cumprimento da ordenança feita por Cristo, “ide pelo mundo e pregai o Evangelho”, o pastor comentou: “Jesus não nos chamou para fazer convertidos, Jesus nos chamou para fazer discípulos”, ressaltou. “Estamos empenhados em fazer discípulos fazedores de discípulos”.

 

Guiame 

 

Olá, deixe seu comentário para ExpoEvangélica inicia com incentivo à “oração pelo Brasil”

Enviando Comentário Fechar :/